17 de abril de 2024 - 19:48

Ciência e Tecnologia

18/06/2023 14:22

FAPEMAT/SECITECI: Fórum Nacional Consecti & Confap fortalece parcerias internacionais em ciência e tecnologia

Durante o evento, foram apresentadas oportunidades de cooperação entre o Confap e o Grupo de Cooperação Internacional de Universidades Brasileiras (GCUB). O programa visa desenvolver estudantes de alto nível acadêmico, promover a internacionalização universitária e fortalecer a cooperação internacional entre as universidades brasileiras e instituições de outros países.
Widson Ovando | Fapemat

São Luís/Maranhão- Durante o Fórum Nacional CONSECTI & CONFAP, em São Luís/MA, importantes representantes internacionais e especialistas em ciência e tecnologia reuniram-se para discutir parcerias e cooperação no campo da pesquisa. O evento, coordenado localmente pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e pela Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA).
Dentre os palestrantes estiveram presentes representantes das embaixadas da Austrália, Itália, França e Suécia, além de convidados de destaque da Alemanha, Espanha, Reino Unido e União Europeia. O objetivo central foi debater as parcerias em tecnologia e inovação, buscando promover o intercâmbio de conhecimento e o avanço científico entre os estados brasileiros e outros países.

Nordman Wall, presidente da FAPEMA, destacou a importância do fórum para ampliar o alcance internacional dos pesquisadores maranhenses e fomentar a cooperação. Ele ressaltou que a parceria e a cooperação são fundamentais para estabelecer novos horizontes e um futuro mais promissor para a comunidade científica do Maranhão.

Odir Dellagostin, presidente do Confap, ressaltou o simbolismo do evento na ampliação das parcerias internacionais e na discussão de temas importantes para o avanço da ciência, tecnologia e inovação no país. Ele também destacou os desafios enfrentados devido aos cortes de recursos do governo federal, que comprometeram a execução de projetos de pesquisa científica.
O Fórum Nacional Consecti & Confap é realizado em parceria pelo Conselho Nacional de Secretários para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti) e pelo Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), juntamente com a Secti e a FAPEMA. O evento, que ocorre até o dia 16, tem como local o Hotel Luzeiros.
 
Na pré-abertura, os representantes das embaixadas da Austrália, Itália, França e Suécia palestraram sobre parcerias internacionais. Nacer Boubenna, adido científico da Embaixada da França no Brasil, ressaltou a importância do evento para estreitar parcerias entre o Brasil e a França, especialmente no Maranhão, que compartilha temas como saúde e meio ambiente com a Guiana Francesa.

Durante o evento, foram apresentadas oportunidades de cooperação entre o Confap e o Grupo de Cooperação Internacional de Universidades Brasileiras (GCUB). O programa visa desenvolver estudantes de alto nível acadêmico, promover a internacionalização universitária e fortalecer a cooperação internacional entre as universidades brasileiras e instituições de outros países.
Além disso, foram discutidas parcerias construídas a partir de cooperações internacionais do Confap com representações científicas e de inovação da Espanha.
 
O Secretário de Estado de  Ciência e Tecnologia e Inovação de Mato Grosso, professor doutor Allan Kardec, o Forum Consecti/Confap, marca a retomada  da política pública mais importante para o desenvolvimento de um país que é a ciência ,tecnologia e inovação, pesquisa e desenvolvimento. Hoje estamos juntos todos os secretários de estado de ciência e tecnologia e os presidentes das Fundações de Amparo à Pesquisa e Governo Federal, reunidos e tratando das ações que devemos implementar para avançar mais. O Estado de Mato Grosso se desponta com as ampliações dos investimentos da Fapemat e ações de afirmação da Seciteci. O Governador Mauro Mendes e Otaviano Pivetta, são dois visionários apostando em investimentos em áreas de ciência e tecnologia, estamos gratos e felizes por passar por esse momento histórico para o país e para o nosso estado” .

Para o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), Marcos de Sá Fernandes da Silva, “estamos diante de atores que conhecem bem o sistema de Ciência e Tecnologia e Inovação, onde podemos trocar informações e traçarmos juntos um novo caminho para o fomento e apoio às pesquisas desenvolvidas no Brasil. Sabemos que o Estado de Mato Grosso é hoje referência no agronegócio, e com certeza esse reconhecimento teve a pesquisa, a ciência, tecnologia e inovação envolvidas nesse processo”.

Plantão

(66)98408-0740

Copyright  - O Interior News - Todos os direitos reservados